April 6, 2020

Please reload

Recent Posts

Máscaras de proteção respiratória de uso não profissional – o que são, cuidados antes do uso, como colocar e retirar, tempo de uso, como higienizar e...

April 28, 2020

1/4
Please reload

Featured Posts

Dia Mundial da Qualidade: Liderança Transformadora

Toda segunda quinta-feira do mês de novembro é comemorado o Dia Mundial da Qualidade. O tema escolhido pelo CQI (Chartered Quality Institute) neste ano é “Celebrating Everyday Leadership” (em tradução livre, algo como “Comemorando a Liderança Diária”), mas aqui no Brasil, traduzimos como Liderança Transformadora!

 

Por que o tema “Liderança Transformadora”?

Existem milhões de definições sobre liderança, mas podemos dizer que liderança é sobre como trabalhamos para entregar nosso melhor resultado e sobre como apoiamos outras pessoas para que entreguem o seu melhor desempenho também. Mas nem sempre isso dá muito certo, talvez porque a intenção, por mais que seja uma parte essencial de todo o contexto, não necessariamente garante a entrega e o resultado.

 

Segundo o CQI, a liderança transformadora possui algumas responsabilidades que são cruciais para fazer a qualidade valer a pena nas empresas, e é sobre elas que vou falar nesse texto.

 

A estruturação de uma governança forte

A qualidade só consegue ser trabalhada sistemicamente dentro de uma organização quando há um compromisso verdadeiro da alta direção para fazer isso acontecer. Mas é obvio que a responsabilidade não é apenas da alta direção, até porque nem sempre eles têm maturidade suficiente para compreender a importância da qualidade e excelência, por isso, as pessoas que realmente exercem a liderança transformadora tem um papel importante de conectar as ações de qualidade com os objetivos e estratégias da empresa.

 

Ter uma governança forte significa garantir que os objetivos da empresa sejam claros, reflitam os requisitos das partes interessadas e que as pessoas tenham processos adequados, para que eles sejam transformados em ações que levem a empresa onde ela quer chegar.

 

O desenvolvimento de uma garantia da qualidade adequada à sua empesa

Infelizmente, muitas pessoas ainda acreditam que ter um SGQ em uma empresa é sinônimo de burocracia, mas isso só acontece porque às vezes nós pensamos demais no controle e não na qualidade em si. Qualidade não é sobre controle, é sobre atender expectativas! Estamos conseguindo cumprir com o que prometemos para os clientes? E para os nossos colaboradores, para os acionistas, para a sociedade, para os fornecedores ou seja lá qual for a parte interessada? É sobre isso que a qualidade atua: ajudar a empresa a cumprir o que prometeu!

 

Você não precisa criar milhões de informações documentadas, indicadores e processos complexos para conseguir entregar o que as partes interessadas esperam. A garantia da qualidade deve ser adequada ao ambiente em que está sendo aplicada, ou s